Subscribe Twitter Facebook

domingo, 18 de janeiro de 2015

Vem conhecer a Argélia!

Oi pessoal, tudo bem? Não postei esses dias pois estava organizando o blog e tudo mais, mudança de nome, design, etc...mas vamos ao que interessa? Hoje eu vim falar um pouco desse país querido que é a Argélia! Tá curiosa (o)? Então continua aqui comigo!!!








A Argélia (oficialmente República Democrática e Popular da Argélia), também conhecida como Dzair, Al Jazair (árabe) fica localizada no norte da África, região conhecida por Maghreb. Sua capital é Alger e o país faz fronteira com o Marrocos, Tunísia, Mauritânia, Níger, Líbia e o Mali. A Argélia é membro da Organização das Nações Unidas, da União Africana (UA), da Liga Árabe e integra a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) desde 1969. Em fevereiro de 1989, a Argélia participou com os outros estados magrebinos, para a criação da União do Maghreb Árabe.





A Constituição argelina define "o islã, os árabes e os berberes" como "componentes fundamentais" da identidade do povo argelino, e o país como "terra do islã, parte integrante do Grande Magreb, do Mediterrâneo e da África".
A Argélia tem sido habitada pelos berberes desde pelo menos 10 000 a.C.. A partir de 1.000 a.C. os cartagineses passaram a exercer influência sobre os berberes ao instalarem assentamentos ao longo da costa. Posteriormente houveram as invasões bizantinas e com elas a chegada dos árabes, otomanas e dos franceses em 1830.

A Argélia tem duas regiões geográficas principais, a região norte e a região do deserto do Saara, na região ao sul do país. A região norte é formada por quatro zonas: uma pequena faixa de planície acompanhando a costa do Mediterrâneo; a região da cadeia de montanhas do Atlas, que possuem um clima mediterrâneo e solo fértil abundante; a região semi-árida e parcamente povoada do Chotts, o qual contém lagos salgados (chotts) e onde se localizam em maior número os criadores de ovelhas e cabras; e a região das montanhas do Atlas do Saara, uma série de montanhas e massivos, também sendo uma região semi-árida e usada essencialmente como pastagem. O rio Chéliff é o maior do país. A maior parte da região árida do Saara é coberta com cascalhos e pedras, com pouca vegetação; há também grandes áreas de dunas de areia no norte e no leste. Alguns oásis importantes são: Touggourt, Biskra, Chenachane, In Zize, e Tin Rerhoh.

A grande maioria dos argelinos é de descendentes de árabes e berberes; os berberes, a partir do século VII adotaram a língua árabe e o islamismo dos poucos árabes que habitavam a região.
A população da Argélia é de 39 milhões de habitantes . Aproximadamente 75% dos argelinos usam línguas berberes, e mais de 85% usam o árabe, as duas línguas oficiais. Entre 25% e 33% da população fala francês. Na Argélia, os árabes normalmente usam uma variante do idioma local, que difere em parte, da língua árabe clássica. Desde a independência, os governos da Argélia têm procurado promover a expansão do árabe clássico, as expensas das variantes locais, e em contraste com francês e tamazigth. Estima-se que em 2025 a população seja cerca de 44 milhões de habitantes.


Plaquinha de boas vindas em árabe, bérbere e francês


97% da população são muçulmanos, enquanto 2,9% declaram-se sem religião. Há uma pequena minoria judaica (500 por todo o país) que vive na Argélia, principalmente na capital, Argel. O resto da grande população judaica prévia à criação de Israel fugiu ou foi expulsa após a independência do país.
A Argélia é governada sob a Constituição de 1976, a qual foi revisada inúmeras vezes. O poder Executivo é liderado pelo presidente, eleito pelo voto popular para um mandato de 5 anos. O primeiro-ministro é indicado pelo presidente. O Parlamento bicameral consiste em 380 cadeiras para a Assembleia Nacional Popular e 144 assentos no Conselho de Nações. O sistema legal argelino é baseado nas leis francesa e islâmica. O atual presidente é Abdelaziz Bouteflika.

A Argélia é dividida em 48 wilayas. Além da capital, as maiores cidades incluem Annaba, Blida, Constantine, Mostaganem, Oran, Setif (), Sidi Bel Abbes, Skikda e Tlemcen. 
O setor dos hidrocarbonetos é o pilar da economia da Argélia, sendo responsável por cerca de 60% das receitas orçamentais, 30% do PIB e mais de 95% das receitas de exportação. A Argélia tem a sétima maior reserva de gás natural do mundo e é o segundo maior exportador de gás. É ainda o 14º país com maiores reservas de petróleo. (Lá 1 litro de gasolina custam meros US$ 0,28). Na Argélia há 43 universidades, 10 colégios, e 7 instituições de ensino superior. A University of Algiers possui cerca de 267,142 estudantes. Uma curiosidade é que uma das mais importantes universidades argelinas, a Universidade de Constantine foi projetada pelo arquiteto brasileiro Oscar Niemeyer, que inclusive passou um período na Argélia juntamente com João Filgueiras e Darcy Ribeiro para compor a sua equipe (que sortudos não? rs) Bem pessoal é isso, espero que tenham gostado, ficou um pouco grandinho mas é interessante para sabermos como funcionam as coisas por lá, e também para compreendemos coisas que serão faladas nos próximos posts :)

Gostou? Não gostou? Quer deixar sugestões? Escreve aqui embaixo nos comentários ♥

Deixo vocês com uma música do Cheb Khaled, cantor argelino do estilo rai. Aliás, essa música ficou conhecidíssima no Brasil lá pelos anos 2000, quando Khaled veio a se apresentar na TV, virou febre e tocou muito nas baladas e rádios .... então com vocês "El Arbi"... clica no play e dança habiba!!!!!!!!!!!!


4 comentários:

Coração Abençoado disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Coração Abençoado disse...

Pelo jeito moça parece muito empolgada = mas Lembre um arabe nunca se envolve com esposa só ele sempre gosta de formar familia!

Coração Abençoado disse...

Pelo jeito moça parece muito empolgada = mas Lembre um arabe nunca se envolve com esposa só ele sempre gosta de formar familia!

Cleo Reis disse...

Oi, tudo bem? Adorei seu post! Conheci um argelino há pouco tempo, mas ele é tão gentil comigo.. Estava lendo seu post sobre namorar homens árabes e percebi que algo que você falou que ele já fez. Exemplo, estavamos conversando e do nada ele quis me ligar por chamada de vídeo e eu disse que depois, mas ele me pediu muito. Ele é muito gentil, bem prestativo. Não estou confundindo sentimentos, nem estou pensando nessa possibilidade, até porque tem uma distância enorme entre nós; nunca nem falamos sobre isso. Mas, o que você acha? Conheci teu blog hoje, agora kkk, então, ainda não li muitos posts.. Você namora um árabe? É tão diferente assim? Me ajuda, rsrsrs. Beijos!!!

Postar um comentário

Atenção: Comentários islamofóbicos, antiárabes, antissemitas e que ofendam uma etnia, nacionalidade ou religião/crença não serão aceitos nem tolerados.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Powered by Blogger